Mundial de Skate

Em parceria com a World Skate, entidade máxima internacional do esporte, com apoio do Governo do Estado de São Paulo e apresentado pela OI, a Confederação Brasileira de Skate (CBSk) e a plataforma Skate Total Urbe (STU) trazem pela primeira vez ao Brasil o Park Skateboarding World Championship.
Com a modalidade de Skate Park confirmada nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, os olhos do mundo se voltam para o universo do skate. 

O campeonato mundial de skate na modalidade Park ocorreu na cidade de São Paulo, de 10 a 15 de setembro de 2019. Reuniu aproximadamente 200 atletas da elite do skate internacional, nas categorias feminina e masculina, consolidando o país como protagonista da cena esportiva mundial.

image

Letícia Gonçalves, Camila Borges, Deise Reis e Thais Gazarra, atletas do time Mary Jane, participaram do mundial em busca do sonho Olímpico e estão fazendo história no skate feminino. Elas nos contam como foram suas experiências no Park Skateboarding World Championship em São Paulo!


Letícia Gonçalves

“Foram 3 campeonatos na primeira janela dessa corrida olímpica, sendo o primeiro o Dew Tour em Long Beach, o segundo na China em Nanjing e o último em São Paulo, no Parque Villa Lobos, valendo pontuação dobrada.
A importância desse campeonato é o ranking olímpico para decidir quem no final da primeira e segunda janela realmente vai para as olimpíadas. O evento foi irado por ter sido no Brasil, não tem nenhum lugar com essa nossa vibe contagiante!
Comecei o campeonato correndo a famosa peneira (eliminatórias) para depois correr as quartas, passando pra semifinal e ficando em 17º lugar. Isso me deixou no ranking em 20º lugar colocada entre as meninas do mundo todo!”

image
image
image
image

Camila Borges

“O Mundial foi um dos melhores momentos da minha vida! Quando você se dedica muito para estar lá e consegue, é um momento satisfatório de ver que todo seu esforço está tendo resultado, isso faz com que você crie novas expectativas.”

image
image

Deise Reis

“Sobre o mundial, para mim foi uma experiência maravilhosa, porque nunca tinha participado de um evento tão grande como esse. Pude estar ao lado dos maiores nomes do skate mundial, andar ao lado das skatistas que eu admiro e só conhecia pelas redes sociais. Também percebi o quanto o nível do skate feminino está altíssimo em âmbitos profissionais e como uma nova geração de meninas vem com tudo para essa nova fase do skate.
Com certeza o skate nas olimpíadas vai marcar uma nova era do skate e fico imensamente feliz por estar fazendo parte dessa história. Ser o meu primeiro evento mundial foi como viver uma experiência fora do país, com a tranquilidade de estar perto de casa.”

image
image

Thais Gazarra

“Um mundial na minha cidade foi uma realização gigante por ver todos meus amigos reunidos na pista local. Os brasileiros têm uma vibe única que inspira todos os competidores e nos faz dar o melhor na skate park. Espero poder repetir essa experiência por muitos anos ainda.”

image